Ex-comandante da Polícia Municipal de Ponta Delgada acusado de três crimes

O ex-comandante da Polícia Municipal de Ponta Delgada Alberto Peixoto foi acusado pelo Ministério Público (MP) de três crimes de coação agravada, segundo o despacho a que a agência Lusa teve hoje acesso.

O caso foi desencadeado em 2013, com a denúncia de 23 agentes da Polícia Municipal de Ponta Delgada contra Alberto Peixoto, imputando a este cinco crimes de usurpação de funções, dois de coação, três de coação grave, dois de sequestro, 15 de abuso de poder e cinco crimes de denegação de justiça.

Ver mais 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *